18 de maio de 2017

Orando Pelo Bem de Um País

Para Que Haja Paz e Justiça com Respeito à Lei

Carlos Cardoso Aveline




Cabe pensar no futuro do Brasil e de cada país lusófono.

Em todas as comunidades em que se fala português, que as mentes violentas se acalmem.

Que as almas pacíficas entrem em ação com vigor, e desmoralizem o poder corrosivo do ódio, e esvaziem o prazer autodestrutivo do rancor.  

Que a lei se cumpra com força e equilíbrio. Que se estabeleça a ética de modo gradual, firme, durável.

As ações movidas por inveja e descrença devem perder força. É oportuno expandir o poder do respeito, do bom senso, da harmonia.   

Que a hipocrisia seja desmascarada, não como vingança, mas como um ato de consideração para com a comunidade.

Espero que a visão da vida seja saudável, e predomine a boa vontade recíproca entre aqueles que querem o bem.

Que a paz do coração renove o país.

Om, shanti.

000 

Uma versão inicial da oração acima foi publicada anonimamente na edição de dezembro de 2016 de “O Teosofista”, p. 17. Título Original: “Orando por um País”.

000

O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto). 


Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:   


000