20 de setembro de 2017

Curso Sobre o Discipulado Segundo os Mestres

Autoconfiança em Filosofia Esotérica:
Um Estudo Sobre o Caminho da Sabedoria

Loja Independente




A Loja Independente de Teosofistas e os seus websites associados oferecem um curso por correspondência online intitulado “A Busca do Discipulado Segundo o Ensinamento dos Mestres”.

A série de lições escritas estará disponível para os diferentes países lusófonos e ocorrerá também em língua inglesa, a partir do começo de outubro de 2017.

O enfoque da atividade tem como referência central as Cartas dos Mestres e os escritos de Helena Blavatsky. A Loja Independente considera que em matéria de ensinamentos sobre discipulado, ou pedagogia espiritual, não há nada comparável às Cartas dos Mahatmas na literatura filosófica de todos os tempos.

As lições usarão predominantemente textos publicados em nossos websites associados.[1]

A inscrição é gratuita e não há taxas a pagar. A série de lições sobre “A Busca do Discipulado Segundo o Ensinamento dos Mestres inicia dia 05 de outubro e sua primeira etapa terá dez lições. O material será distribuído uma vez por semana.

Os interessados estão convidados a escrever para indelodge@gmail.com, fazendo suas inscrições e mandando um pequeno relato sobre sua busca espiritual até o momento de hoje, além de informar o nome completo, a cidade e o país em que moram.


NOTA:


000

Veja em nossos websites associados os artigos “A Pesquisa Independente em Teosofia”, “A Loja Independente de Teosofistas”, “Os Três Tipos de Associados”, “O Perfil da Loja Independente” e “A Loja Independente e o Movimento”.

000

O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto). 


Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:   


000

19 de setembro de 2017

A Pesquisa Independente em Teosofia

Os Estudantes de Filosofia Esotérica
Devem Buscar Ativamente a Verdade 

Carlos Cardoso Aveline




Os associados da Loja Independente de Teosofistas estudam vários temas de interesse filosófico e partilham o resultado do esforço com os leitores através dos seus websites.[1]

Diversas páginas do Facebook aumentam o alcance do trabalho. Circulam duas publicações mensais: “O Teosofista” e (em inglês) “The Aquarian Theosophist”.

Outros aspectos do projeto incluem reuniões no plano físico, os e-grupos “SerAtento” e “E-Theosophy” em Yahoo, e um grupo de estudos sobre discipulado leigo. A biblioteca que funciona como âncora e alicerce da loja independente está espalhada por dois países e interconectada de várias maneiras, incluindo o correio aéreo.

Desenvolvendo um trabalho voluntário, os coeditores investem seu tempo e dinheiro para obter livros raros e decisivos em vários idiomas, online e em papel. Embora os recursos sejam limitados, a aquisição de livros para a biblioteca é intensa dos dois lados do Oceano Atlântico.

O estudo ocorre simultaneamente com a pesquisa.  O trabalho editorial, as publicações online e a circulação ampla dos textos constituem um esforço de muitas dimensões cujo ponto mais alto é a busca interna do indivíduo. A produção de textos que resultam da pesquisa também se desdobra em mais de um idioma.

Estas tarefas interligadas ativam níveis superiores de consciência. A ilusão de que o tempo é “escasso” constitui um obstáculo para a aprendizagem. Não existe escassez de tempo desde o ponto de vista do eu superior. Diante da vasta rede de informações reunidas, o estudante deve trabalhar com calma e avaliar cada ideia, escutando o silêncio da sua própria alma.

Os associados da loja independente consideram que Helena P. Blavatsky estabeleceu linhas diretrizes de longo prazo para o esforço teosófico. Ela ensinou que os teosofistas não são donos da verdade: eles devem obter os meios para procurar ativamente a sabedoria. Referindo-se à Sociedade original que ela fundou em 1875, HPB escreveu:

“Como corpo, a Sociedade Teosófica afirma que todos os pensadores e investigadores originais do lado oculto da natureza, sejam materialistas - aqueles que veem na matéria ‘a promessa e a potencialidade de toda força terrestre’ - ou sejam espiritualistas (aqueles que descobrem no espírito a fonte de toda energia e também de toda matéria) foram e são, propriamente falando, teosofistas. Porque, para ser teosofista, não é necessário reconhecer a existência de qualquer Deus ou divindade especial. Basta adorar o espírito da natureza viva, e tentar identificar-se com ele. Trata-se de reverenciar esta Presença, a Causa invisível, que no entanto está sempre se manifestando em seus resultados incessantes; o Proteus intangível, onipotente, e onipresente: indivisível na sua Essência e na sua forma indefinida, e no entanto aparecendo sob todas as formas e sob cada uma delas; e que está aqui e lá, em todo lugar e em lugar algum; que é TUDO e NADA; ubíquo e no entanto uno; a Essência que preenche, reúne, amarra e contém todas as coisas, e que está presente em tudo. Pode-se ver agora, cremos, que, quer sejam classificados como teístas, panteístas ou ateus, tais homens estão próximos de todos os outros.”

Segundo Blavatsky, “seja como for, uma vez que um estudante abandona o velho e desgastado caminho da rotina e entra no caminho solitário do pensamento independente - em direção à divindade - ele é um teosofista. É um pensador original, um buscador da verdade eterna e que possui ‘uma inspiração própria’ para resolver os problemas universais.” E ela acrescenta:

“A teosofia é aliada de todo aquele que busca seriamente, da sua própria maneira, obter um conhecimento do Princípio Divino, da relação do homem com este Princípio e das manifestações deste Princípio na natureza.” [2]

Estas palavras dizem muito sobre a atitude correta do estudante em relação aos ensinamentos teosóficos. Ele não é convidado a acreditar. Ele deve desenvolver pesquisas independentes, buscar e gradualmente conhecer por mérito próprio.

NOTAS:

[1] www.FilosofiaEsoterica.com, www.CarlosCardosoAveline, www.HelenaBlavatsky.net, www.AmazoniaTeosofica.com.br, www.HelenaBlavatsky.org, www.TheosophyOnline.com, e www.TheAquarianTheosophist.com. Os livros “The Fire and Light of Theosophical Literature” (2013, 255 pp.) e “Luz no Caminho” (2014, 85 pp.) foram publicados em papel por “The Aquarian Theosophist”.

[2] Do artigo What Are the Theosophists?”, que está publicado em “Collected Writings”, H. P. Blavatsky, TPH, EUA, volume II, pp. 102-103.

000

Em 14 de setembro de 2016, depois de uma análise da situação do movimento esotérico internacional, um grupo de estudantes decidiu criar a Loja Independente de Teosofistas. Duas das prioridades da LIT são tirar lições práticas do passado e construir um futuro saudável

000

O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto). 


Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:   


000

17 de setembro de 2017

A Criação da LIT em 2016

O Breve Documento Que Anunciou a
Fundação da Loja Independente de Teosofistas

Carlos Cardoso Aveline

O nascimento de uma consciência planetária é tema central no estudo da teosofia autêntica



Em setembro de 2016 os associados ativos no trabalho da loja luso-brasileira da Loja Unida de Teosofistas decidiram declarar a independência da sua loja, desvinculando-a completamente da LUT no plano nominal e orgânico.

Desde a criação da loja lusófona em 2009, o bom crescimento interno e externo do esforço havia ampliado as suas responsabilidades não só no Brasil e em Portugal, mas internacionalmente e em mais de um idioma.

Em 2012, a loja passou a dirigir a publicação mensal “The Aquarian Theosophist”, que havia sido criada em novembro de 2000 desde Los Angeles por Jerome Wheeler. 

O lançamento do livro “The Fire and Light of Theosophical Literature”, em outubro de 2013, foi outro divisor de águas. Passados cerca de sete anos desde o início do trabalho em 2009, os associados perceberam que havia chegado o momento de dar novos passos adiante, fundando a Loja Independente de Teosofistas, LIT. Dia 16 de setembro, os iniciadores da nova Loja mandaram ao escritório da LUT em Los Angeles esta mensagem, em inglês e português:

“[Prezados Amigos]

“Saudações fraternas.

“Dia 14, dois dias atrás, os associados da LUT que estão ativos no trabalho teosófico no Brasil e em Portugal decidiram formar uma loja independente de teosofistas, desvinculada da LUT.

“Embora a futura loja independente vá continuar a ter muito em comum com a LUT - todos os aspectos essenciais, na verdade - a decisão é a de criar uma loja sem qualquer vinculação nominal com Los Angeles.

“Deste modo, pedimos que seja retirado o nosso nome da Lista de Lojas da LUT no boletim de Los Angeles, a partir da sua próxima edição, e de quaisquer outras listas de lojas da LUT que haja em Los Angeles.

“Permanecemos amigos da LUT. Permanecemos individualmente associados a ela. Continuamos colegas de trabalho teosófico, e vemos como sempre com admiração e respeito o trabalho da LUT ao redor do mundo.

“Nosso gesto é específico: solicitamos ausência de vinculação nominal com a Loja Unida de Teosofistas - entendida como coisa externa - a partir de 17 de setembro de 2016.

“Fraternal e respeitosamente, Carlos.” [1]

A mensagem acima e o fato da criação da Loja Independente foram divulgados de público em português e inglês no dia 17 de setembro.

NOTA:

[1] Na versão em inglês, o documento foi assinado por Joana Maria Pinho.

000

Veja entre outros em nossos websites associados os artigos “A Loja Independente de Teosofistas”, “Construindo a Loja Independente”, “A Loja Independente e o Movimento”, “LIT: a Árvore Com Raízes no Alto”, “Os Três Tipos de Associados”, “Sete de Setembro em Nova Iorque” e “O Perfil da Loja Independente”.

000

Em 14 de setembro de 2016, depois de uma análise da situação do movimento esotérico internacional, um grupo de estudantes decidiu criar a Loja Independente de Teosofistas. Duas das prioridades da LIT são tirar lições práticas do passado e construir um futuro saudável.

000

O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto). 


Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:   


000

14 de setembro de 2017

O Teosofista - Setembro de 2017





O seguinte pensamento abre a edição de setembro:

“Em qualquer circunstância, a escolha do caminho honesto está ao alcance do cidadão.”

O breve texto “A Implosão e o Renascimento” está às páginas um e dois. Em seguida temos  “A Sociologia da Alma”.

Nas páginas três e quatro apresentamos “A Importância da Humildade”,  que é um fragmento de um dos livros escritos por João Doria Junior.

O artigo “Ideias ao Longo do Caminho” está nas páginas quatro e cinco.   Do poeta António Corrêa D’Oliveira, temos à página seis  uma seleção dos seus “Dizeres do Povo”, em versos.

Entre as pp. 7 e 16,  “Ensinamentos de um Mahatma - 03” apresenta uma longa e fundamental Carta escrita pelo Mestre de Helena Blavatsky.

Outros temas abordados no TEO de setembro são a diferença entre a teoria e o discurso e a proposta de trabalho da Loja Independente de Teosofistas.  

Com 18 páginas, a edição inclui a lista dos itens publicados recentemente em nossos websites.



000

O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto).


Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:


000

Arte de Esquecer

A Bênção de Deixar de
Lado o Sofrimento Passado

Aleixo Alves de Souza




000000000000000000000000000000000000

Nota Editorial:

Aleixo Alves de Souza foi presidente da
Sociedade Teosófica (de Adyar) no Brasil.

O poema a seguir é reproduzido do livro
Écos do Meu Silencio”, de Aleixo Alves de
Souza, Rio de Janeiro, 1937, 95 pp., ver p. 79. Não
há indicação de editora. A ortografia foi atualizada.

(Carlos Cardoso Aveline)

0000000000000000000000000000000000000000000000



“Pensamento, meu tirano e meu Mestre…”

É da humana feição o repetir
Ideias contundentes, de agonia,
Numa volúpia mórbida, a ferir,
Com insistência rítmica e sombria.

E esse obcecante e duro refluir
Da memória é tortura, é tirania
Ao ser que, apavorado, quer fugir
Das algemas que a mente assim lhe cria.

E vai, de angústia a angústia, assim levado
Pela torrente intérmina da Vida,
Às garras do Desejo agrilhoado…

Ah! se à alma não fosse permitida
A glória de esquecer o mal passado,
Melhor lhe fora, então, não ser nascida!

000

Em 14 de setembro de 2016, depois de uma análise da situação do movimento esotérico internacional, um grupo de estudantes decidiu criar a Loja Independente de Teosofistas. Duas das prioridades da LIT são tirar lições práticas do passado e construir um futuro saudável.

000

O grupo SerAtento oferece um estudo regular da teosofia clássica e intercultural ensinada por Helena Blavatsky (foto).


Para ingressar no SerAtento, visite a página do e-grupo em YahooGrupos e faça seu ingresso de lá mesmo. O link direto é este:   


000